Buscar

Atualização do salário mínimo no eSocial


O salário mínimo, assinado pelo atual presidente da república, Jair Bolsonaro, teve reajuste de 4,162% e ficou em R$998,00. No eSocial, a alteração não está programada para ser feita automaticamente, portanto, deve ser realizada pelo empregador, até o período que antecede o encerramento da folha de pagamento.


Para os trabalhadores que recebem salário superior ao valor do salário mínimo, o acréscimo deve proceder conforme acordo entre o empregador e empregado, definido nas cláusulas do contrato de trabalho.


Os empregados domésticos que recebem salário mínimo, devem ter seus contratos alterados no eSocial para que o reajuste conste no sistema e o pagamento seja efetuado de acordo com o novo valor.


O eSocial é um sistema que faz o intermédio na comunicação entre empregador e Governo, substituindo o preenchimento de formulários e declarações. Os registros devem respeitar a ordem cronológica. Caso alguma informação tenha saído fora de ordem, exclua e retorne à sequência correta para que a alteração seja feita com eficácia e os cadastros estejam devidamente atualizados.


Fonte: Novva Comunicação